Livro | Uma vida sem desperdício - Alexandre A. Cardoso


Oi, gente!
Agora no começo de maio li o livro do Alexandre, entitulado: "Uma vida sem desperdício - Aplicando o pensamento lean (enxuto) no seu dia a dia" e vou fazer um resumão para vocês. Confira!

O livro é dividido em sete capítulos, cada um com um tema. No final de cada capítulo ele deixa uma sugestão de aplicação na vida empresarial e uma na vida pessoal. 

Capítulo 1 - Economizando água com kaizen
Kaizen significa kai (mudar) para zen (melhor). Consiste em se reunir em equipe e resolver um problema ou uma melhoria em algo. 
No caso do Alexandre, ele e sua família decidiram que para economizar água colocariam uma bacia no banho e reutilizariam a água como descarga. Além disso, utilizam a água da máquina de lavar para lavar o quintal e a cozinha.
No meu caso: já ouvi falar de algumas pessoas que reutilizam a água do banho, porém não sei se na minha vida eu conseguiria aplicar esse método. Quando à opção de reutilizar a água da máquina de lavar, já fazemos isso em casa.

Capítulo 2 - Controlando o consumo de energia com o gerenciamento diário
O gerenciamento diário utiliza um quadro de gestão visual e acompanhamento de reunião diária. As ações de correção são mais rápidas e efetivas.
No caso do Alexandre, ele anotou a medida do relógio de energia todo dia e percebendo um dos dias com grande aumento, questionou como foi o dia dos familiares e descobriu que três pessoas estavam assistindo TV e com o ar-condicionado ligado - cada uma em um cômodo diferente.
No meu caso: achei bastante interessante essa técnica ligada à energia elétrica, pois em casa temos alguns picos de consumo também. Vou tentar aplicar e volto contar como foi.

Capítulo 3 - Otimizando as compras com kanban
 Kanban é um conceito de sistema puxado. Serve para sinalizar quando algum produto já está acabando. Ideal para quem tem estoque ou dispensa.
No caso do Alexandre, para diminuir o valor das compras ele optou por fazer uma lista dos produtos que precisava, estipulou qual era o consumo mensal/quinzenal de cada um e incluiu cartões kanban no último item da cada produto.
No meu caso: já utilizamos a lista de compras em casa e temos uma ideia de qual o consumo de cada produto. Como vamos semanalmente ao mercado, não vejo necessidade de colocar os cartões de consumo em produtos que estão acabando, pois não temos muita dispensa.

Capítulo 4 - Evitando estragar aparelhos com poka-yoke
Poka-yoke significa à prova de erros e se trata de dispositivos que impedem que o homem cometa erros e gere defeitos.
No caso do Alexandre, ele colocou tampa nos plugs das tomadas 220W para que assim ninguém as utilizasse por engano.
No meu caso: na minha casa temos duas tomadas 220W que colamos uma fita em cima para que assim ninguém usasse sem querer.

Capítulo 5 - Evitando desperdício de tempo com os 5S
Traduzindo o que significam os 5S: separar, organizar, limpar, padronizar, manter.
A ideia é ver o que é útil e o que não é, descartar o que não for. Então, organizar o que é útil. Identificar os itens de forma que fique fácil encontrar o que precisa.
No caso do Alexandre: ele aplicou na rotina da manhã, na organização dos calçados.
No meu caso: esse pra mim é o velho e conhecido destralhe. Faço sempre que posso com as minhas coisas.

Capítulo 6 - Otimizando o trabalho da empregada doméstica com o trabalho padronizado
A ferramenta trabalho padronizado é utilizada para garantir que as pessoas realizem as atividades conforme planejado e obtenham sempre os mesmos resultados.
No caso do Alexandre, ele anotou a ordem dos serviços de casa e o tempo a ser utilizado em cada um. Com esse padrão, conseguiu melhorar e reduzir o tempo das atividades.
No meu caso: achei legal essa ideia, e vou tentar implementar de outra maneira em casa. Vendo quanto tempo gasto em cada cômodo, vou implementar um em cada dia da semana, conforme minha rotina semanal permite.

Capítulo 7 - Reduzindo o tempo de lavar roupas com equipamentos de baixo custo
Investimento na medida certa = investe-se o mínimo para obter um resultado superior com equipamentos menores e mais baratos.
No caso do Alexandre, ele comprou um tanquinho para auxiliar na lavagem de roupas e não uma máquina de lavar nova.
No meu caso: não consegui encaixar a ideia em nada semelhante na minha casa, já que a máquina de lavar é suficiente para a nossa quantidade de roupas.


Minha opinião
 É um livro curtinho, de leitura bem rápida. Em geral, as ideias que ele propõe já estão presentes na vida de quem já começou a praticar o minimalismo. Porém, pode te dar alguns insights.
Vale a pena a leitura!


Até breve,
Fran Scandolara

Mais posts como esse? Chega aqui!
Me segue no insta: @franscandolara

Um comentário: