Pensamentos | Regra dos cinco minutos

Estive pensando dia desses em como elogiamos outras pessoas, especialmente mulheres. 
Ainda é bastante frequente estar passando pelo instagram ou pelo facebook e nos comentários daquela foto da sua amiga ter comentários como:

"Nossa, como você emagreceu! Tá linda"
"Já pode parar de emagrecer, assim está bom"
"Deu uma engordadinha, hein"

E quando eu leio, juro, não consigo entender como as pessoas não percebem como isso é errado... Isso que estou falando em comentários em fotos. Mas pessoalmente pode ser muito mais invasivo.
Qual a propriedade que nós temos para julgar o corpo alheio? A menos que nos seja perguntando ou que a pessoa esteja falando sobre o assunto, tudo bem dar sua opinião. Do contrário? Guarde somente para você.

Resultado de imagem para coração minimalista 
Uma vez li um pequeno texto que falava sobre a regra dos cinco minutos.
Se tem algo de "errado" com a aparência de alguma pessoa e isso não vai poder ser "arrumado" em cinco minutos, não fale para ela. 
Comida no dente? Pode avisar.
Camiseta ao contrário? Pode avisar.
Maquiagem borrada? Pode avisar.
Tatuagem "feia"? Nariz torto? Quilos a menos ou a mais? Altura? 
Não seja inconveniente deixando a pessoa ciente de algo que ela não pode mudar. 
Muitas vezes isso incomoda apenas você e ninguém mais.

E se para essa pessoa esses quilos a mais for um problema de auto estima enorme? 
E se os quilos a menos forem decorrentes de uma doença pela qual a pessoa está passando e tentando tratar? 
Esses "elogios" podem interferir na mente das pessoas de maneira muito mais intensa do que a gente imagina. 

Então, quero te pedir um favor. Pense bem antes de comentar qualquer coisa. Seja online ou offline. 
Pessoas são frágeis e o que pode ser insignificante para você pode ser um problema gigante para outra pessoa.

Nos últimos anos meus pensamentos mudaram. E o de uma parte do mundo também. Graças a Deus! 
Seja você também mudança.

Até breve,
Fran Scandolara

Leia também:

Queridinhas dos Seguidores

Minimalismo | 5 mudanças que o minimalismo pode trazer para sua vida

Compras x Destralhe | Maio 2018

Viagem | Minimalismo na mala de viagem